Ao som do batuque

Ao som do batuque dancei perdidamente
Desanuviei minha atribulada mente
Bazei na cadência profundamente
E meu pensamento flutua ritcamente

Ouvi aquela batucada sorridente
Que meu ntima pulou emocionadamente
Alma transbordou alegremente
Porque meu mundo ficou fantasiadamente

Ao som do batuque prendi meu ntima cantante
Que se requebra requintadamente
E se desdobra dentro de mim retumbante

Guardei aquela batucada silenciosamente
Bem dentro do meu cantinho, suavemente
Marquei esse som que soa batucadamente

Por Domingas Monte

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: