Breve abordagem sobre a literatura oral angolana

A literatura oral angolana é a representação fiel da alma do povo angolano que se espelha no seu modo de ser, de sentir, de agir e de estar. Com a oralidade preservam e conservam o seu passado, a sua cultura e todo o conhecimento que lhes foi legado pelos seus antepassados, condensado no tempo e no espaço e que sobrevive pela memória coletiva.

A literatura oral angolana transmite tudo sobre a sua cultura e em detalhes (nas cerimónias de iniciação), desde às normas de conduta social à estórias do povo. A transmissão é feita por provérbios, contos, canções, adivinhas, fábulas, poesias, danças e narrativas através dos séculos de geração para geração até aos nossos dias de hoje.

Os textos orais possuem um valor estético que lhes dão uma originalidade própria, capaz de encantar uma pessoa, por exemplo numa roda onde o público ouvinte participa da estória com canções, palmas e as vezes com danças. A coreografia é tão bonita e executada de forma elegante, maravilha, não só os que participam diretamente, mas também os assistentes.

Portanto, a literatura oral angolana, é um meio poderoso e eficaz para a conservação e preservação da cultura e do conhecimento do povo angolano.

In («A Canção festiva e funerária em kikongo – Estudo temático», monografia apresentada para a obtenção do grau de licenciatura) Domingas H. Monteiro

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: