Quero ser poetisa

Quero ser poetisa

Para despir meu ego entristecido

Elucidar meu ser amargurado

Cantar meus sentimentos

 

Quero ser poetisa

Para falar das minhas amarguras

Do olhar que vaga nas veredas do clamor ávido

E da sede não saciada

 

Quero ser poetisa

Para ter aquele carinho que não senti

A promessa não cumprida

O beijo que me foi roubado

O amor que não amei

Quero ser poetisa

Para falar da minha dor intima

Transmitir jovialidade e ternura

Amar desmedidamente

 

Quero ser poetisa

Andar nas ruelas da imaginação

Navegar na fantasia

Tocar o céu

Ter as estrelas no meu leito

Para luzir meu peito

Quero ser poetisa

Para vazar a emoção

Que se propaga dentro de mim

Abraçar as brisas

Voar com as gaivotas

E embarcar nas minhas esperanças

Por Domingas Monte

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: