Etiqueta: Angola e o kuduro

Kuduro: vanguarda versus ecletismo

Por Estêvão Ludi A liberdade estética, como produto da Vanguarda e do distanciamento do purismo para evidenciar o ecletismo, marcou o ambiente do som e do ritmo da década de 90. Com influências, talvez, de uma dança nascida nas ruas dos Estados Unidos da América, denominada break-dance, uma dança marcada pela coreografia de talento individual.

Ler Mais

A Imagem da Mulher (zungueira) na Música “Zungueira” do grupo Elenco da Paz

Por Caetano de Sousa João Cambambe A música (no caso concreto do kuduro), para além de ser uma arte, é – na nossa forma de ver – um instrumento de intervenção social muito poderoso. Por intermédio dela – ou dele –, muitos são (ou foram) os “mudos” que ganharam “voz” e hoje têm toda a

Ler Mais

KUDURO: PROMISCUIDADE OU REVOLUÇÃO?

Por: Joaquim Caundo Todos sabemos que as melhores formas de revolução nascem nas ruas. É simples e lógico na medida em que são os suburbanos e residentes das periferias que sofrem na pele a discriminação e a marginalização constantes vindas das classes dominantes. Ao longo dos séculos, os povos oprimidos sempre encontraram na arte uma

Ler Mais